Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Vamo lá, gente. Repitam comigo: FA-BÍO-LA

por the fazz, em 30.07.08

Algumas pessoas não sabem pronunciar o nome "Fabíola". Simplesmente não conseguem e não importa quantos esforços de repetição exaustiva eu faça. Quando eu era pequena, detestava meu nome. Faria tudo para ter um nome comum como Marta ou Paula. Achava um infortúnio ser sempre a única Fabíola da classe, às vezes, da escola. Encontrei apenas uma Fabíola bonita na vida. As outras eram bem feias, até mesmo as fictícias. Que eu me lembre, houve duas novelas com personagens batizadas com meu nome. Numa delas, havia uma mulher de meia idade, alvo de chacotas porque usava peruca. Na outra, Evandro Mesquita se passava por cabeleireiro homossexual. Fabíolo. Que desastre. A maioria esmagadora de pessoas que não sabem pronunciar meu nome são porteiros. Faobila. Fabília. Fabíia. E eu juro que isso não é preconceito, é estatístico. Assim também padecem, naturalmente, os gringos. Fabiuuula. Fabióóóóla. E alguns ruídos impronunciáveis. Americanos, uruguaios, ingleses, bolivianos e nordestinos, submetidos ao mesmo constrangimento que meus pais amenizaram quando preferiram "Fabíola" a Eloá. (Eloá! Por Deus...) Mas então, eis que surge a primeira real oportunidade de usar tudo isso a meu favor. Aproxima-se lentamente com uma confiança equivocada, o rapaz nada atraente que tem me olhado a noite inteira. Ele pergunta meu nome. Eu respondo triunfante: FAOBILA. Como? Faobila. Não é Fabíola? Não senhor. Faobila mesmo. E não bebi uma só gota de álcool. Ele perde o interesse instantaneamente, e se retira com um sorriso debochado. Ninguém sai ferido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:32


9 comentários

De Tico Dias ou Emerson a 30.07.2008 às 15:49

Ainda ontem comentava com minha mãe como não me pareço nem um pouco com Emerson, assim mesmo, sem acento e sem H, que já ousaram colocar em fichas de inscrição ou simples recados. Detesto meu nome, adoro o seu, ainda mais por ser parte dele minha mais perfeita metade, reparada até por minha mãe: "é tanta Fabíola, é tanto Fábio"...rs

De Vini a 30.07.2008 às 19:17

hehehehe
rende situações divertidíssimas se tu tiveres bom-humor... o meu ex se chama Zenildo. Ele já nem se estressava, já falava o nome por sílabas pra evitar Zelito, Zelindo, Zé Nildo...

E eu, que se tivesse nascido mulher me chamaria (quer dizer, os outros me chamariam de) Samantha! Se bem que... ah, deixa pra lá

De Anand a 04.08.2008 às 18:33

Imagina então os porteiros e as professoras falando Anand!
São várias variações: Ananda, Anana, Anano, Arnaudi, Aneide, Amandi, Anaídi, Alandi e até Xanandy!
Seria trágico se não fosse cômico.
Bem vinda ao clube!

Bjs

Anãndi

http://osomdaimagemnatrilha.blogspot.com/
http://amenasamenidades.blogspot.com/

De Angilha a 06.08.2008 às 20:23

Rogério, meu ex, tinha o mesmo problema: Rogéro, Rogélio, Rougéro... Já eu, tenho o outro, todas as Angelas que conheço, fora a minha saudosa bisavó, são bem gordas ou manicures. Eu já fiz a mão com umas cinco no mínimo.

Ps1: Angela Maria, Angela Rô Rô...
Ps2: Todo mundo acha que meu nome é Angela Maria
Ps3: Pelo menos se fosse Angelina...

De federico rebollo silva a 12.08.2008 às 04:48

"...Fabióóóóla. E alguns ruídos impronunciáveis. Americanos, uruguaios, ingleses, bolivianos e nordestinos..."

No me siento ofendido,sé que soy burro.
Pero lo que también sé es que para mi siempre serás Fabióla y yo siempre seré URUGUAYO.

Frechi.

De Crisálida a 13.08.2008 às 20:10

Eu só me lembro de ter conhecido uma Fabíola, e ela era minha melhor amiga na 4ª série primária! Lembro-me perfeitamente dela, como se fosse ontem que a tivesse visto pela última vez. O jeito debochado, engraçado, desastrado e meio bravo dela! Adorava-a! Nunca mais a vi...

"Não é preconceito, é estatístico" foi ótimo! :-))

O meu maior trauma com meu nome é que, 8 entre 10 pessoas, durante toda minha vida, 2 segundos após saberem qual era o meu nome, começavam a canta: "Lucianaaaa, Lucianaaa, sorriso de menina...". :-)))

De Renato a 28.08.2008 às 22:46

Estava com saudades dos posts novos mas naum posso ter a adudácia de cobrar já que meu blog está tão desatualizado que traz como novidade a morte da Odete Roitman,rsrsrsrsrsrs...
Sobre o meu nome: EU AMO MEU NOME!!!

Renato é nome fácil mas pouco usado, naum é como Pedro, Marcos ou Vinícius, com certeza pq naum pode ser qq um a usar esse nome: descontrolado, perdido e amado., no mínimo deves ser assim para honrar a classe dos Renatos (felizmente não conheci nenhum Renato mala,rsrsrsrsrrs...)

Falínda!

De Renato a 28.08.2008 às 22:49

Na verdade eu conheci um Renato, esteticamente idêntico a mim, aliás(mesmo nariz, cabelo, altura): se matou a uns três meses num quarto de hotel!

Foi estranho ver meu irmão gêmeo desaparecer...

De Gustavo a 17.12.2009 às 23:10

Moravam em frente à minha casa em Minas duas irmãs: Fabíola e Flaviana. Acho que foi por isso que eu não tropecei.

Comentar post



Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D